O Blog:

Amigos e conterrâneos camocinenses, a gente só dar o que tem. Quando pensamos editar um blog, este foi o pensamento: doar todo nosso esforço na construção de uma ferramenta como esta para a divulgação pura e simples da nossa história. Contudo, essa é uma oportunidade de todos participarem desta empreitada, seja comentando, sugerindo, corrigindo e, efetivamente, participando dessa grande viagem que a História nos proporciona. Que nosso "POTE" nunca encha e sacie a todos!!!

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

A BANDA LYRA DE CAMOCIM

Banda Lyra de Camocim. Regida pelo Maestro Miguel. Foto: Camocim Online.

Orientar trabalhos de história é uma das possibilidades de se conhecer mais sobre nós mesmos. Acabo de orientar um trabalho defendido com êxito no Curso de História pelo aluno Paulo José Silva dos Santos, denominado “A passagem de Pinto Martins por Camocim no raid aéreo Nova Iorque-Rio de Janeiro: memórias e contradições. 1922”. Na pesquisa sobre o feito do piloto camocinense, acabou-se descobrindo a origem da nossa Banda Lyra, que tocou na festa em homenagem ao ilustre camocinense nos salões do Sport Club. Portanto, agora o Maestro Miguel terá a referência histórica de quando começou a referida banda. Isso foi possível graças ao colecionador Fábio Alves que franqueou ao professor Paulo José o acesso a um pequeno folheto com o título Resumo histórico da vida de Luis de Moraes desde a sua chegada a cidade de Camocim 1907- 1924. Esse pequeno livro de autoria do próprio Luis Joaquim de Moraes é uma autobiografia e narra sua trajetória na cidade como músico, além da sua relação com a chegada de Pinto Martins. Ele próprio nos diz:
Mezes após a HARMONIA CAMOCINENSE foi entre a casa Nicolau & Carneiro continuando a ser dirigida ainda pelo Sr. Pinheiro o qual a deixou pouco depois. dissolvido nessa época a referida banda de musica, foram entregues os instrumentos a Revmo. Padre José Augusto. O qual os vendeu para Circo Catholico de Sobral. Achando-se Camocim sem uma banda de música resolvi ensinar meninos, o que comecei a por em pratica no mez de Abril de 1920. No dia 7 de  Agosto daquele mesmo anno consegui inaugurar uma nova banda de musica sob denominação de LYRA CAMOCINENSE, com o numero de 13 musicos, sendo 2 antigos e 11 novos, ensinados por mim, a custa de muito sacrifício.(P.7)
Capa do livro acima referido. Arquivo particular de Fábio Alves
Portanto, a Banda Lyra que ainda hoje alegra a cidade sob direção do Maestro Miguel, foi fundada em abril de 1920 por este homem esquecido na história de Camocim e apresentou-se pela primeira vez em agosto do mesmo ano. Após quatro anos da fundação da banda o Maestro Luis de Moraes escreve no final do livro todos os locais que a banda tocou, inclusive no baile realizado no Sport Club no mês de Dezembro de 1922, na chegada e na saída do aviador, cobrando a quantia de 50$000 em cada apresentação.



Nenhum comentário:

Postar um comentário