O Blog:

Amigos e conterrâneos camocinenses, a gente só dar o que tem. Quando pensamos editar um blog, este foi o pensamento: doar todo nosso esforço na construção de uma ferramenta como esta para a divulgação pura e simples da nossa história. Contudo, essa é uma oportunidade de todos participarem desta empreitada, seja comentando, sugerindo, corrigindo e, efetivamente, participando dessa grande viagem que a História nos proporciona. Que nosso "POTE" nunca encha e sacie a todos!!!

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

PESCADORES DE CAMOCIM DESAPARECIDOS

Na campanha inicada pelo blog CAMOCIM ONLINE, reproduzimos no CAMOCIM POTE DE HISTÓRIA, o sofrimento das famílias dos pescadores e de como a comunidade pode ajudá-las neste momento de dor.
Hoje estão completando 26 dias desde que os pescadores Zé Ivan, Chico Eudes e os irmãos Ivan e Gílson Torres, desapareceram em alto-mar, a bordo do bote "Bruno". De lá para cá, muitas buscas foram feitas a partir da Marinha e até do helicóptero da PM. Mas nada, absolutamente, nada, nem ninguém, foi encontrado até agora. Uma parte triste dessa história, contada pelas próprias famílias, foi a falta de apoio da Colônia e do Sindicato dos Pescadores, assim como, de forma inicial, da Prefeitura de Camocim, que só após ter seu nome exposto na mídia em relação à própria inércia, é que foi procurar os familiares. Segundo informações, pasmem, alegaram que não sabiam do fato. 
O desaparecimento dos pescadores foi noticiado, em primeira mão,  em 28 de novembro, pelo Blog Camocim Online. Logo em seguida, fomos contactados por diversas emissoras de TVs e portais de internet em busca de mais informações. Toda a mídia do estado veio então cobrir o fato. Na última segunda-feira (05), uma equipe da TV Jangadeiro, através do Cinegrafista J. F. Araújo e o Repórter Ricardo Lima, esteve em Camocim produzindo uma reportagem  sobre a falta de pistas, a aflição das famílias e o que pode ter ocorrido com o bote "Bruno". 
Com o tempo, além da saudade e da dor, veio fome, e por isso, uma campanha está em andamento para arrecadar alimentos para as quatro famílias. As pessoas estão doando alimentos, levando até o único posto de arrecadação existente, o Restaurante O Fortim. A campanha vai durar até  às 16h amanhã (sexta), quando será feita a entrega do que já foi arrecadado, aos familiares dos pescadores. Até o momento é impressionante o número de pessoas humildes, sem posses, que têm levado sua doação. Esses parece que se vêem na situação dessas famílias e, talvez, por isso, a vontade de ajudar seja maior. Da mesma forma, algumas empresas, comprometidas com o social, estão fazendo sua parte, mesmo porque, independentemente da quantidade que está sendo doada, o que importa é a solidariedade.  Veja a Reportagem em vídeo AQUI. E saiba como ajudar AQUI
Postado por Tadeu Nogueira às 08:38h
 
Fone: Camocim Online.

Nenhum comentário:

Postar um comentário