O Blog:

Amigos e conterrâneos camocinenses, a gente só dar o que tem. Quando pensamos editar um blog, este foi o pensamento: doar todo nosso esforço na construção de uma ferramenta como esta para a divulgação pura e simples da nossa história. Contudo, essa é uma oportunidade de todos participarem desta empreitada, seja comentando, sugerindo, corrigindo e, efetivamente, participando dessa grande viagem que a História nos proporciona. Que nosso "POTE" nunca encha e sacie a todos!!!

sexta-feira, 29 de abril de 2016

ABRIL PINTO MARTINS XVI - NO RIO DE JANEIRO, A APOTEOSE.

Vista aérea da recepção à Pinto Martins e Walter Hinton. Rio de Janeiro. 1923.
Fonte: Revista Fon Fon. nº07, p.31, 1913, Rio de Janeiro.
Ao centro Presidente Arthur Bernardes, tendo à esquerda Pinto Marins e à direita Walter Hinton.
 Fonte:  Revista O Malho 1066, p.27. 1923. Rio de Janeiro
Praticamente todos os veículos de comunicação da época deram destaque à chegada dos aviadores aventureiros que, finalmente, completavam o raid aéreo Nova Iorque-Rio de Janeiro. Naquele 08 de fevereiro de 1923 ainda estava aberta a Exposição Nacional que comemorara o Centenário da Independência em setembro de 1922. A profusão de imagens e textos (em prosa e versos) ofertados a Pinto Martins e Walter Hinton revelam bem a importância que ainda foi dada ao evento, com a presença do Presidente da República Artur Bernardes e outras autoridades da República. A partir de então, sucederam-se homenagens as mais diversas da elite carioca e paulista e de instituições da sociedade civil. A Aviação Naval, por exemplo, promoveu um almoço para os aviadores na Ilha das Enxadas. A Colônia Americana também os recepcionou com almoço no Palace Hotel. Neste mesmo local o Aero Cub Brasileiro ofereceu um banquete onde Pinto Martins foi recebido por Santos Dumont. A Associação Comercial do Rio de Janeiro promoveu um chá dançante no Club dos Diários. O Club Portuguez, o Centro Beneficente Gago Coutinho e Sacadura Cabral e o Centro Maçônico realizaram sessões solenes. A Associação dos Empregados do Comércio de São Paulo, entregaram medalhas a Pinto Martins e Walter Hinton no campo de Indianápolis. Enfim... foram muitas as homenagens.

Recepção à Pinto Martins e Walter Hinton. Rio de Janeiro. 1923.
Fonte: Revista
 Fon Fon. nº07, p.29, 1923, Rio de Janeiro

Na foto acima percebe-se três momentos do acolhimento festivo aos tripulantes do Sampaio Correia II, desembarcados na Baía de Guanabara. De cima para baixo temos: Pinto Martins sendo flagrado antes do desembarque; tripulantes do hidroavião se deixando fotografar com o Presidente do Aero-Club Brasileiro o senador Sampaio Correia e abaixo a "colossal massa popular que, premindo-se no recinto da Exposição, aguardava a chegada dos aviadores".
A Revista O Malho, por fim saudou aos aviadores que superaram o roteiro acidentado de cerca de 6.000 milhas náuticas :
- Glória ao aviador patrício, ao nosso extraordinário Pinto Martins! Glória ao aviador "yankee" Walter Hinton - os heróes do maior feito aéreo do  mundo! 

Fonte: Revista Fon Fon,  nº07, p.29-31, 1923, Rio de Janeiro,
            Revista O Malho 1066, p.27. 1923. Rio de Janeiro






Nenhum comentário:

Postar um comentário