O Blog:

Amigos e conterrâneos camocinenses, a gente só dar o que tem. Quando pensamos editar um blog, este foi o pensamento: doar todo nosso esforço na construção de uma ferramenta como esta para a divulgação pura e simples da nossa história. Contudo, essa é uma oportunidade de todos participarem desta empreitada, seja comentando, sugerindo, corrigindo e, efetivamente, participando dessa grande viagem que a História nos proporciona. Que nosso "POTE" nunca encha e sacie a todos!!!

sexta-feira, 30 de setembro de 2016

VI SETEMBRO CAMOCIM -XIV. A PASSAGEM DA TOCHA OLÍMPICA


Em 2016 o Brasil sediou a 31ª edição dos Jogos Olímpicos. O símbolo dos jogos - a Tocha Olímpica percorreu várias cidades do país, dentre elas, Camocim. A matéria abaixo discorre a passagem da tocha em solo camocinense.


Monumento comemorativa da passagem da tocha olímpica em Camocim. 2016.
Fonte: veja.abril.com.br

by Glaucimar da Silva Gomes
Aluna do Curso de História PARFOR/UVA/Camocim


Quando se pensou que algum dia em nosso litoral pudéssemos ver algo simbólico  de tamanha importância para o esporte mundial e nacional como a tocha olímpica? Um símbolo que por onde passou deixou as mais diversas polêmicas, uma chama que vem de tão longe, atravessando continentes e países para enfim chegar em terras tupiniquins.Mas não vem ao caso fomentar aqui as mais diversas polêmicas que surgiram sobre a  passagem da tocha em solo brasileiro e sim, sobre o que ela causou aos habitantes da nossa Camocim.Toda a cidade se mobilizou há meses para receber a tocha olímpica como uma ilustre visitante que vinha só de passagem trazendo consigo a esperança e sonhos de diversos atletas de alcançar o podium olímpico. As pessoas ficavam ansiosas acompanhando nos noticiários de telejornais por onde a tal tocha vinha passando, querendo saber se a ilustre visitante estava perto de chegar em nossa cidade. Nas esquinas da cidade não se falava em outro assunto, “Tu vai ver a tocha passar? “, era inevitável não comentar sobre a passagem da tocha nem que fosse para xingar a  nossa ilustre visitante.
Foi numa quinta-feira, 9 de Junho de 2016 quando a tocha chegou inflamante em nosso litoral, arrastando multidões para vê-la passar em forma de revezamento para não correr o risco da chama olímpica se apagar, era quase impossível ninguém querer ver a tocha passar, até mesmo os que criticavam sua rápida passagem por nossa cidade.A tocha vinha escoltada por batedores de frente para impedir qualquer surpresa desagradável que pudesse acontecer ao símbolo maior dos Jogos Olímpicos. Por onde a tocha passava era aplaudida com emoção e vibração,as pessoas se aglomeravam pelas ruas querendo ver a nossa ilustre visitante, era como que se acendesse nos corações de cada pessoa uma chama de esperança  de que vale a pena lutar por algum ideal para chegar ao pódio das realizações.Era indescritível a reação das pessoas que tocavam na tocha,todos queriam tirar fotos e fazer selfs como lembrança deste fato histórico que talvez não se repetirá tão cedo em nosso litoral.



Nenhum comentário:

Postar um comentário