O Blog:

Amigos e conterrâneos camocinenses, a gente só dar o que tem. Quando pensamos editar um blog, este foi o pensamento: doar todo nosso esforço na construção de uma ferramenta como esta para a divulgação pura e simples da nossa história. Contudo, essa é uma oportunidade de todos participarem desta empreitada, seja comentando, sugerindo, corrigindo e, efetivamente, participando dessa grande viagem que a História nos proporciona. Que nosso "POTE" nunca encha e sacie a todos!!!

sábado, 7 de maio de 2011

ASSOCIAÇÃO COMERCIAL DE CAMOCIM


Desde o ano passado que repousa nas mãos da Diretoria da Associação Comercial de Camocim uma pesquisa sobre sua história feita por mim, realizada com o objetivo de se transformar em livro. Enquanto não se decide pela publicação, brindo os leitores do blog com um pequeno fragmento do que o jornal sobralense Correio da Semana noticiou em agosto de 1918. O jornalista P. J. Lima, especialmente enviado para noticiar a inauguração da sede social , assim se reporta sobre o feito dos comerciantes de então:

É um bello predio, elegante, attrahente e confortavel, de construção moderna. Para unir o util ao agradavel, no mesmo predio foi instalado um vasto salão com um palco para representações dramaticas e cinema. Esse salão é muito bem arejado, aspecto agradabilissimo com uma bôa installação de luz electrica e a carborêto. Percorremos todas as dependencias do predio, demorando-nos depois um agradavel palestra com um grupo de moços, propugnadores fervorosos do progresso de Camocim.É desejo dos dignos fundadores da ‘Associação’ addicionar á mesma, para o futuro uma secção especial para os caixeiros que tem por fim a mutua proteção da classe, para a qual haverá um curso nocturno de instrução, á semelhança da ‘Phenix Caixeiral’ de Fortaleza.

Aproveitando a viagem, o jornalista ainda faz ainda algumas considerações sobre alguns melhoramentos que a cidade receberia brevemente, realcionando esses "ares de progresso" com a ascensão da classe comercial da época:

Na praça da Matriz a Prefeitura vae construir um jardim. Em breve a cidade será toda iluminada á luz electrica.Estas ligeiras notas aqui faço sobre o meu passeio a Camocim, não obedece a interesses algum, si não fazer justiça ao merito e ter a satisfação de dizer uma verdade que consola.Não foi portanto com intuitos de melindrar a modestia ou excitar vaedade nesses timoneiros do bem; empolgou-me o entusiasmo que experimentei perante tão bella iniciativa daquelle punhado de moços que honram a Sociedade. Nestas desprentenciosas linhas vae o meu applauso caloroso e os meus os meus parabens sinceros ao povo de Camocim”.

Fonte: LIMA, P.J. de. “Camocim”. Correio da Semana. Anno I, sabbado, 2 de agosto de 1918. Sobral-CE,,p.1.)

Foto: internet

Nenhum comentário:

Postar um comentário