O Blog:

Amigos e conterrâneos camocinenses, a gente só dar o que tem. Quando pensamos editar um blog, este foi o pensamento: doar todo nosso esforço na construção de uma ferramenta como esta para a divulgação pura e simples da nossa história. Contudo, essa é uma oportunidade de todos participarem desta empreitada, seja comentando, sugerindo, corrigindo e, efetivamente, participando dessa grande viagem que a História nos proporciona. Que nosso "POTE" nunca encha e sacie a todos!!!

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

SC 11 - O INVERNO DE 1974 EM CAMOCIM

Dizem os profetas que ano terminado em 4 é ano chovedor. Para mim, a imagem mais marcante do alto dos meus 9 anos de idade em 1974 foi o Mercado Público sendo mostrado na televisão escorado com estacas de carnaúba no seu lado externo. Todo dia uma casa caía. Pessoas morreram. Estradas foram cortadas pelas chuvas. Foi decretada calamidade pública. Vejamos o relato do pároco da época:

Ano de 1974

O grande evento digno de menção especial no ano de 1974 foi o rigoroso inverno que abalou todo Estado do Ceará, mormente a nossa Paróquia. Grandes trechos de estradas e rodovias ficaram interrompidas pela inundação das águas vindas de pequenos rios e lagôas, situadas ha pouca distancia. Na cidade ruíram diversas casas de residencia. Uma casa que era situada na Rua 24 de Maio caiu, acarretando efeitos fatais. Morreram duas creanças esmagadas pelos escombros. Foram dias de profunda angústia e tristeza para todos, máxime para a população pobre. 

O relato sintético e compungido do Monsenhor Inácio hoje vira documento da história de Camocim.

Fonte: 3º Livro de Tombo da Paróquia de Bom Jesus dos Navegantes - Camocim. p. 33

Foto: Mercado Público. Década de 1950. Disponível em: nostalgia.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário