Páginas

terça-feira, 22 de junho de 2021

A VACINAÇÃO EM CAMOCIM.

 

Atestado de Vacinação Antivariolica de Maria Alves da Silva. Camocim-CE. 1946. Fonte: Arquivo do CPH.


Em tempos de pandemia do Covid-19, as redes sociais estampam fotos de imunizados (na primeira ou segunda doses, seja de Coronavac, Astrazeneca ou Pfizer), agradecendo a Deus e a ciência ou protestando contra o governo, além de outras manifestações. Passada a fase de imunização da população até frear o avanço do vírus, no futuro teremos que voltar aos postos de vacinação para continuar o controle da pandemia até ser considerada extinta.
Para termos uma ideia da longevidade das pandemias, a varíola. que teve surto no Brasil nas primeiras décadas do século XX, só foi considerada extinta em 1980.
Este procedimento é o que permite entrever o documento acima referido. Num sábado ensolarado (muito provavelmente), Maria Alves Silva, uma morena de 35 anos dirigiu-se à Delegacia de Higiene de Camocim à época dirigida pelo Dr. Jaime Correia e tomou duas injeções no braço esquerdo. Parece ter sido as últimas. visto que no campo onde deveria constar o retorno, o mesmo ficou em branco.
No momento em que o Brasil ultrapassa o número absurdo de 500.000 mortes, vacinar-se é o melhor remédio. Portanto, não deixe de tomar sua dose se ela está disponível.
 


3 comentários:

  1. Bolsonaro é o responsável pelo envio de todas essas vacinas de boa qualidade como astrazeneca, Pfizer , portanto temos que agradecer o presidente , presidente mais decente que esse país já teve

    ResponderExcluir
  2. Bolsonaro é o responsável pelo envio de todas essas vacinas de boa qualidade como astrazeneca, Pfizer , portanto temos que agradecer o presidente , presidente mais decente que esse país já teve

    ResponderExcluir
  3. Bolsonaro é o responsável pelo envio de todas essas vacinas de boa qualidade como astrazeneca, Pfizer , portanto temos que agradecer o presidente , presidente mais decente que esse país já teve

    ResponderExcluir